Gramática On-line | Por Prof. Dílson Catarino

373 textos cadastrados no site da Gramática On-line

Anuncios Google
Gramatica

Encontre o que procura no Buscapé!

Pesquise preços de Gramatica

www.BuscaPe.com.br

Gramatica

Encontre o que procura no Buscapé!

Pesquise preços de Gramatica

www.BuscaPe.com.br

Gramatica

Encontre o que procura no Buscapé!

Pesquise preços de Gramatica

www.BuscaPe.com.br

Gramatica

Encontre o que procura no Buscapé!

Pesquise preços de Gramatica

www.BuscaPe.com.br

Ultima atualização: 14 NOV 2013

/ GRAMÁTICA

A palavra que

Aqui estudaremos todas as classes gramaticais a que a palavra que pertence. Ela pode ser  substantivo, advérbio, preposição, interjeição, pronome, conjunção além de partícula expletiva. Vamos aos estudos:

 

Substantivo:   

A palavra que será substantivo, quando tiver o sentido de qualquer coisa ou alguma coisa, é  sempre antecedida por artigo, pronome adjetivo ou numeral e é sempre acentuada (quê).

A decisão do tribunal teve um quê de corrupção.

 

Advérbio:

A palavra que será advérbio, quando intensificar adjetivos e advérbios. Nesse caso, pode ser  substituída por quão ou muito; em geral, é usada em frases exclamativas.

 

Que linda é essa garota!
Que estranha essa atitude!

 

Preposição:

A palavra que será preposição, quando equivaler à preposição de em locuções verbais que  tenham, como auxiliares, ter ou haver.

Temos que estudar bastante.
Tive que trazer todo o material.

 

Interjeição:

A palavra que será interjeição, quando exprimir uma emoção, um estado de espírito; é  sempre exclamativa e acentuada (quê).

Quê! Você não dormiu em casa hoje?

 

Partícula Expletiva ou de Realce:

A palavra que será partícula expletiva ou de realce, quando for empregada para realce ou ênfase; sua retirada não altera o sentido da frase. Pode também ser usada com o verbo ser, nas locuções é que, foi que, era que...

Nós é que precisamos de sua ajuda.

Eles que o procuraram ontem.

Foi nas filmagens de Titanic que Leonardo de Caprio ganhou fama.

 

Pronome interrogativo:

A palavra que será pronome interrogativo, quando for empregada em frases interrogativas. Quando estiver em final de frase, será acentuada e acompanhada de "o" se não for antecedida de preposição.

Que vocês farão hoje à noite?

Vocês farão o quê?

Por que vocês não vieram aqui ontem à noite?

Vocês não vieram aqui ontem à noite por quê?

 

Pronome Indefinido:

A palavra que será pronome indefinido, quando aparecer antes de substantivos em frases geralmente exclamativas. Pode ser substituída por quanto(s), quanta(s).

Que sujeira!

Que bagunça em seu quarto!

 

Pronome Adjetivo:

A palavra que será pronome adjetivo, quando aparecer antes de substantivos, apenas modificando-o:

Que mulher linda!

 

Pronome em final de frase:

A palavra que, quando aparecer em final de frase, será pronome e deverá receber acento.

Você veio até aqui para quê?

 

Pronome Relativo:

A palavra que será pronome relativo, quando aparecer após substantivo, podendo ser substituída por o qual, a qual, os quais, as quais. Sempre haverá relação entre o verbo posterior a ele e o substantivo anterior a ele.

Julguei belíssima a garota que (= a qual) você me apresentou. (Você me apresentou a garota)
Os problemas por que (= pelos quais) passamos foram terríveis. (Passamos por problemas)

 

Conjunção Coordenativa Aditiva:

A palavra que será conjunção coordenativa aditiva, quando iniciar oração coordenada sindética aditiva; aparece sempre entre duas formas verbais iguais; tem valor bastante próximo da conjunção e.

Estudava que estudava, mas não conseguia assimilar a matéria.

 

Conjunção Coordenativa Explicativa:

A palavra que será conjunção coordenativa explicativa, quando iniciar oração coordenada sindética explicativa. Pode ser substituída por pois ou porque.

Venha até aqui, que precisamos conversar.

 

Conjunção Coordenativa Adversativa:

A palavra que será conjunção coordenativa adversativa, quando iniciar oração coordenada sindética adversativa. Indica oposição, ressalva, apresentando valor equivalente a mas.

Outra pessoa, que não eu, deveria cumprir essa tarefa.

 

Conjunção Subordinativa Integrante:

A palavra que será conjunção subordinativa integrante, quando iniciar oração subordinada substantiva, ou seja, quando iniciar oração que exerça a função sintática de sujeito, objeto direto, objeto indireto, complemento nominal, predicativo do sujeito e aposto.

Julgo que sua ascensão na empresa deu-se muito rapidamente. Oração que funciona como objeto direto (oração subordinada substantiva objetiva direta)

 

Conjunção Subordinativa Consecutiva:

A palavra que será conjunção subordinativa consecutiva, quando iniciar oração subordinada adverbial consecutiva; aparece, em geral, nas expressões tão... que, tanto... que, tamanho... que e tal... que.

Ele se esforçou tanto, que acabou desmaiando.

 

Conjunção subordinativa Comparativa:

A palavra que será conjunção subordinativa comparativa, quando iniciar oração subordinada adverbial comparativa; aparece, em geral, nas expressões mais... que, menos... que.

Ele é mais estudioso que os amigos.

 

 

Siga o Gramática no Twitter